ADPEP premia jornalistas brasileiros que publiquem sobre direitos humanos na Amazônia através da atuação da Defensoria Pública do PA

ADPEP premia jornalistas brasileiros que publiquem sobre direitos humanos na Amazônia através da atuação da Defensoria Pública do PA

Nesta terça-feira, 23.03.2021, a Diretoria da Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Pará (ADPEP) lançou oficialmente o 1º Prêmio de Jornalismo da ADPEP, denominado Jornalista Luiz Maklouf Carvalho, em homenagem a este reconhecido e premiado jornalista e escritor nascido na cidade de Belém (PA) no ano de 1953. A iniciativa busca premiar jornalistas de qualquer lugar do Brasil que publiquem matérias ou reportagens sobre os serviços essenciais da Defensoria Pública do Pará e a atuação na garantia dos direitos a partir dos trabalhos desenvolvidos pelas Defensoras e Defensores Públicos em favor da população residente nessa região do país, em suas diversas esferas no campo social.

Nesta 1ª edição, o Prêmio terá como temática “Os Direitos Humanos na Região Amazônica através da atuação da Defensoria Pública do Estado do Pará”. Conforme consta no edital, são duas modalidades (jornalista profissional e estudante), divididas em cinco categorias: Jornalismo Impresso (jornal/revista); Radiojornalismo; Telejornalismo; Webjornalismo e Fotojornalismo. 

Os participantes só poderão concorrer a uma das categorias e com a inscrição de apenas um trabalho. Para os profissionais, todas as categorias contam com 1º lugar (troféu, certificado e R$ 2.000,00), 2º lugar (certificado e R$ 1.000,00) e 3º lugar (certificado e R$ 500,00). Já no caso dos estudantes, todas as categorias contam com apenas 1º lugar (troféu, certificado e R$ 500,00).  

O Presidente da ADPEP, Marcus Vinicius Franco, explica que este prêmio é a contribuição da ADPEP para que o intenso trabalho desenvolvido pelas Defensoras e Defensores Públicos chegue cada vez mais ao conhecimento da população. “Ao noticiar o direito à vida, à saúde, à informação, à liberdade de locomoção, de expressão, sexual ou religiosa, a imprensa acaba por defender os direitos humanos, tema do concurso deste ano, e ressaltando o trabalho das Defensoras e Defensores Públicos”, diz o Presidente.

O concurso tem o apoio da Defensoria Pública do Pará, Sindicato dos Jornalistas do Estado do Pará (SINJOR), Ouvidoria Externa da Defensoria Pública, Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos (ANADEP) e Faculdade de Comunicação da UFPA.

INSCRIÇÕES

As inscrições são gratuitas e vão de 23 de março de 2021 às 23h59min do dia 31 de outubro de 2021 pelo site da ADPEP, www.portal.adpep.org.br. Basta preencher os campos e anexar os documentos solicitados e a sua reportagem nos formatos PDF (jornal, revista ou fotojornalismo), MP3 (rádio), MP4 (televisão) e link web (portal). A inscrição será confirmada automaticamente pelo e-mail premiodejornalismo@adpep.org.br tão logo seja concluído o envio do arquivo pelo site. Serão aceitos trabalhos veiculados no período de janeiro de 2021 a outubro de 2021. A solenidade de premiação será realizada no dia 9 de dezembro de 2021. O edital completo do concurso está disponível no site da ADPEP.

INFORMAÇÕES

Os(as) candidatos(as) podem tirar dúvidas pelo email do prêmio premiodejornalismo@adpep.org.br ou pelo telefone da assessoria de imprensa da ADPEP (91) 98198-3032.

Clique aqui para conhecer mais o trabalho das Defensoras e Defensores Públicos e confira sugestões de temas para você, jornalista, abordar em suas reportagens